Modelação do tempo: Salvatore Sciarrino, janelas e nublamento

Acácio Tadeu de Camargo Piedade

Resumo


Neste artigo pretendo discutir uma das figuras da linguagem musical do compositor italiano Salvatore Sciarrino: a forma em janelas. Após definir esta figura da maneira como o compositor a explica, procurarei mostrar que, na composição, as janelas podem se abrir tanto para dentro quanto para fora do discurso musical. De um lado, elas apontam para um ambiente interior da composição, constituindo uma remissão interna. De outro, provocam o ouvido a compreender a referência externa, construindo uma intertextualidade. A partir da janela para fora, tratarei de técnicas de distorção, particularmente daquela que chamo de nublamento. Nas conclusões retomarei a questão da memória e da composição enquanto modelação do tempo.

Palavras-chave


Salvatore Sciarrino. Forma em Janelas. Composição

Texto completo:

PDF

Referências


AGAWU, V. Kofi. Playing with Signs: A Semiotic Interpretation of Classical Music. Princeton: Princeton University Press, 1991.

ALDROVANDI, Leonardo. Salvatore Sciarrino e a dinâmica do silêncio. In: CONGRESSO DA ANPPOM, XVIII, 2008, Salvador. Anais... Salvador: ANPPOM, 2008. p. 404-406.

ANGIUS, Marco. Come Avvicinare il Silenzio: la musica de Salvatore Sciarrino. Roma: Rai-Eri, 2007.

BAUDRILLARD, Jean. Simulacres et simulation. Paris: Galilée, 1981.

BERGSON, Henri. Ensaio sobre os dados imediatos da consciência. Lisboa: Edições 70, 1988.

BLOOM, H. A angústia da influência. Rio de Janeiro: Imago, 2002.

BOYM, Svetlana. The Future of Nostalgia. New York: Basic Books, 2001.

BUNCH, James Dennis. A Polyphony of the Mind: Intertextuality in the Music of Salvatore Sciarrino. Tese (Doutorado em Composição Musical). Graduate College, University of Illinois at Urbana-Champain, Urbana, 2016.

CORRÊA, Antenor Ferreira. La Valse: narrativa dramática de um épico. In: CONGRESSO DA ANPPOM, XVI, 2006, Brasília. Anais. Brasília: ANPPOM, 2006. p. 802-807.

DEBUSSY, Claude. Sonate pour Flûte, Alto et Harpe. Partitura. Paris: Éditions Durand, 1916.

D’INDY, Vincent. Cours de Composition Musicale, Deuxième Livre. Paris: Durand, 1899-1900.

FENEYROU, Laurent. Salvatore Sciarrino: un portrait. In: SCIARRINO, Salvatore. Origine des idées subtiles: réflexions sur la composition. Abeville: Itinéraire, 2012. p. 5-25.

FERRAZ, Sílvio. A fórmula da reescritura. In: SEMINÁRIO MÚSICA CIÊNCIA E TECNOLOGIA - SONOLOGIA, III, 2008, São Paulo. Anais... São Paulo: LAMI/USP, 2008. p. 47-58.

FICAGNA, Alexandre. Escritura instrumental como território para a composição de sonoridades. Musica Hodie, Goiânia, v. 9, n. 1, p. 113-128, 2009.

GADAMER, Hans-Georg. Verdade e método. Petrópolis: Vozes, 1998.

GIACCO, Grazia. La notion de “figure” chez Salvatore Sciarrino. Paris: L’Harmattan, 2001.

GIGNOUX, Anne-Claire. De l’intertextualité à la récriture. Cahiers de Narratologie, Nice, n. 13, p. 1-8, 2006.

GOMBRICH, E. H. Art and Illusion: A Study in Psychology of Pictorical Representation. Princeton: Princeton University Press, 2000.

GUERRASIO, Francesca. Les territoires sonores de Salvatore Sciarrino. L’écoute écologique, le théâtre musical, l’esthétique figurale. Tese (Doutorado em Música e Musicologia). École Doctorale V, Université de Paris IV - Sorbonne, Paris, 2012.

______. Le concept de théâtre musical en Italie. De la tragédie de l’écoute de Luigi Nono à l’action invisible de Salvatore Sciarrino. Música em Perspectiva, Curitiba, v. 8, n. 1, p. 115-154, 2015.

GUIGUE, Didier. Estética da sonoridade. São Paulo: Perspectiva, 2011.

KALTENECKER, Martin. L’exploration du blanc. Entretemps, Paris, n. 9, p. 107-116, 1990.

KING, Elaine; GRITTEN, Anthony (Eds.). Music and Gesture. Hampshire: Ashgate, 2006.

______. New Perspectives on Music and Gesture. London: Routledge, 2011.

KLEIN, Michael. Intertextuality in Western Art Music. Bloomington: Indiana University Press, 2005.

KORSYN, Kevin. Towards a New Poetics of Musical Influence. Music Analysis, Inglaterra, v.10, n. 1-2, p. 3-72, Mar.-July 1991.

KRAMER, Jonathan D. Beyond Unity: Toward an Understanding of Musical Postmodernism. In: MARVIN Elisabeth West; HERMAN, Richard (Eds.). Concert Music, Rock, and Jazz Since 1945: Essays and Analytical Studies. Rochester: University of Rochester Press, 1995. p. 11-33.

KRISTEVA, Julia. Bakhtine. Le mot, le dialogue et le roman. Critique, v. 18, n. 239, p. 438-465, avril 1967.

LACHENMANN, Helmut. The Beautiful in Music Today. Tempo, New Series, Cambridge, n. 135, p. 20-24, Dec. 1980.

LANZ, Megan R. Silence: Exploring Salvatore Sciarrino’s Style Through L’Opera per Flauto. Tese (Doutorado em Artes Musicais). Departamento de Música, University of Nevada: Las Vegas, 2010.

McCONVILLE, Brendan P. Reconnointering the Sonic Spectrum of Salvatore Sciarrino in ‘All’Aure in una Lontananza’. Tempo, Cambridge, v. 65, n. 255, p. 31-44, Jan. 2011.

MONELLE, Raymond. The Sense of Music: Semiotic Essays. Princeton, NJ: Princeton University Press, 2000.

NATTIEZ, Jean-Jacques. Fondements d'une sémiologie de la musique. Paris: Union Générale d'Éditions, 1975.

ONOFRE, Maria Leopoldina L.C. As técnicas estendidas, “figuras” e configurações sonoras em l’Opera per flauto de Salvatore Sciarrino. Dissertação (Mestrado em Música). PPGM, UFPB, João Pessoa, 2012.

PENHA, Gustavo Rodrigues. Reescrituras na música dos séculos XX e XXI. Dissertação (Mestrado em Música). Instituto de Artes, UNICAMP, Campinas, 2010.

PESSON, Gérard. Note de Programme, 1998. Disponível em . Acesso em 12 abr. 2017.

______. Nebenstück - Filtrage de la Ballade Op. 10 N. 4 de Johannes Brahms, pour clarinette en Sib et quatuor à cordes. Partitura. Paris: Éditions Henry Lemione, 2001.

PIEDADE, Acácio T. C. Música e Retoricidade. In: ENCONTRO DE MUSICOLOGIA DE RIBEIRÃO PRETO, IV, 2012, Ribeirão Preto. Anais... Ribeirão Preto: USP, 2012. p. 90-100.

______. As Janelas de Salvatore Sciarrino: para pensar a remissão interna e a intertextualidade na composição. In: ENCONTRO NACIONAL DE COMPOSIÇÃO MUSICAL DE LONDRINA (ENCOM), III, 2014, Londrina. Anais... Londrina: UEL, 2014. p. 1-9.

PIEDADE, Acácio; AUGUSTO, Raphael. Questões de intertextualidade e composição em Fascination para piano e violoncelo (2013), de Acácio Piedade. In: CONGRESSO DA ANPPOM, XXVI, 2016, Belo Horizonte. Anais... Belo Horizonte: ANPPOM, 2016.

PIEDADE, Acácio T. C. ; MEDEIROS, Arílton. Ravel na chuva: considerações analíticas sobre Anamorfosi para piano solo, de Salvatore Sciarrino. In: CONGRESSO DA ANPPOM, XXVI, 2016, Belo Horizonte. Anais... Belo Horizonte, ANPPOM, 2016.

PIEDADE, Acácio T. C. ; MENSING, Benedikt. Inversão de causa e efeito - uma análise da peça Salut für Caudwell do Helmut Lachenmann. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE MUSICOLOGIA, VI, 2016, Goiânia. Anais... Goiânia: UFG, 2016. p. 248-256.

PIEDADE, Acácio T. C. ; SILVEIRA, Raísa Farias. Uma análise musical da obra La Lumière na pas de bras pour nous porter, de Gérard Pesson. In: CONGRESSO DA ANPPOM, XXIV, São Paulo, 2014. Anais... São Paulo: ANPPOM, 2014.

RICOEUR, Paul. A Memória, a história, o esquecimento. Campinas: Editora da Unicamp, 2010.

SCIARRINO, Salvatore. Sei Capricci per violino. Partitura. Roma: Ricordi, 1976.

______. Anamorfosi per pianoforte. Partitura. Roma: Ricordi, 1981.

______. Efebo con radio. Partitura. Roma: Ricordi, 1988.

______. La figure della musica - da Beethoven ad oggi. Milão: Ricordi, 1998.

______. Carte da suono. Edizioni Novecento: Mascalucia, 2001.

SILVA, Débora R. As janelas do tempo de Salvatore Sciarrino: uma proposta de análise da obra Sei Capricci para violino solo (1976). Trabalho de conclusão de curso (Graduação em Música). Departamento de Música, UDESC, Florianópolis, 2013.

SPAHLINGER, Mathias. This is the Time for Conceptive Ideologues no Longer. Contemporary Music Review, v. 27, n. 6, p. 579-594, Nov. 2008.

STEINBERG, Michael. Music and Melancholy. Critical Inquiry, v. 40, n. 2, p. 288-310, Winter 2014.

STRAUS, Joseph N. Remaking the Past: Musical Modernism and the Influence of the Tonal Tradition. New York: Harvard University Press, 1990.

STREET, Alan. Superior Myths, Dogmatic Allegories: The Resistance to Musical Unity. Music Analysis, v. 8, n. 1/2, p. 77-123, Mar.-July 1989.

TARKOVSKI, Andrei. Esculpir o tempo. 2a ed. São Paulo: Martins Fontes, 1998.




DOI: http://dx.doi.org/10.20504/opus2017b2306

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 OPUS - Revista Eletrônica da ANPPOM

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 
OPUS - Revista Eletrônica da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Música (ANPPOM)
ISSN 0103-7412 (versão impressa, 1989-2008), ISSN 1517-7017 (versão online, 2009- )