Dodecafonismo, nacionalismo e mudanças de rumos: uma análise das 6 Peças para piano de Cláudio Santoro e das Miniaturas n. 1 para piano de Guerra-Peixe

Ernesto Hartmann

Resumo


O presente artigo busca, a partir dos depoimentos de Claudio Santoro e César Guerra-Peixe, investigar em que medida estes compositores estavam utilizando sistematicamente a técnica dodecafônica no final da década de 1940. Através da análise de dois grupos de pequenas peças para piano dos dois compositores, relações entre seus processos composicionais e questões presentes em seus discursos da época são destacados. Conclui-se que ambos os compositores estavam realmente buscando uma nova forma de expressão, nacionalista por parte de Guerra-Peixe, porém sem ater-se a uma suposta rigidez do dodecafonismo. 


Palavras-chave


Claudio Santoro; César Guerra-Peixe; Dodecafonismo; Nacionalismo.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMADA, Carlos de Lemos. O Dodecafonismo peculiar de Claudio Santoro: análise do ciclo de canções A Menina Boba. Opus, Goiânia, v. 14, n. 1, p. 7-24, jun. 2008.

ASSIS, Ana Claudia. Compondo a “cor nacional”: conciliações estéticas e culturais na música dodecafônica de César Guerra-Peixe. Per Musi, Belo Horizonte, UFMG, n. 16, p. 33-41, 2007. Disponível em: . Acesso em: 03/01/2011.

BERNSTEIN, Guilherme Seixas. Guerra-Peixe e o Nacionalismo dodecafônico vistos pelo divertimento no 1. In: Cadernos do Colóquio. Rio de Janeiro: UNIRIO, 2004- 2005 p. 95-106. Disponível em: . Acesso em: 02/01/2011.

CAMPOS, Augusto de. Música de invenção. São Paulo: Perspectiva, 1998.

FORTE, Allan. The Structure of Atonal Music. London: Yale University Press, 1972.

GADO, Adriano Braz. Um estudo da técnica de doze sons em obras selecionadas: Hans Joachim Koellreutter e César Guerra-Peixe. Dissertação (Mestrado), Campinas, UNICAMP, 2005.

GUERRA-PEIXE, César; LANGE, Francisco Curt. Correspondência a Curt Lange: 9/05/1947. Acervo Curt Lange, UFMG, Biblioteca Universitária da UFMG, Belo Horizonte.

GUERRA-PEIXE, César. Curriculum vitae. Belo Horizonte: Biblioteca da Escola de Música da UFMG, 1971, I. 5 f. Texto datilografado.

KATER, Carlos. Música Viva e H. J. Koellreutter: movimentos em direção à modernidade. São Paulo: Musa Editora, 2001.

LEIBOWITZ, René. Schoenberg. São Paulo: Perspectiva, 1981.

LIMA, Cecília Nazaré de. A fase dodecafônica de Guerra-Peixe: à luz das impressões do compositor. Dissertação (Mestrado), Campinas, UNICAMP, 2002.

LÍVERO, Iracele Vera. Santoro: uma história em miniaturas: estudo analítico interpretativo dos Prelúdios para piano de Cláudio Santoro. Dissertação (Mestrado), Campinas, UNICAMP, 2003.

MENDES, Sérgio Nogueira. Claudio Santoro: serialismo dodecafônico nas obras da primeira fase (1939-1946). In: XVII Congresso da ANPPOM, Anais... São Paulo: UNESP, 2007. Disponível em: . Acesso em: 02/01/2011.

MUSICA VIVA - Manifesto 1944. Disponível em: . Acesso em: 13 de Fevereiro de 2012.

MUSICA VIVA - Manifesto 1946. Disponível em: . Acesso em: 13 de Fevereiro de 2012.

NEVES, José Maria. Música contemporânea brasileira. São Paulo: Ricordi, 1984.

SANTORO, Claudio. O Progresso em Música. 1950. Para Todos n. 7, p. 4-5, mar. 1951.

_______________ Carta endereçada a Hans Joachin Koellreutter. Arquivo Claudio Santoro, UnB, Brasília, 14/02/1947.

_______________ Carta endereçada a Hans Joachin Koellreutter. Arquivo Claudio Santoro, UnB, Brasília, 18/12/1947.

SCHOENBERG, Arnold. Composition with twelve-tones (1). In: Style and Idea. London: Faber & Faber, 1975.

_______________. The Musical Idea and the Logic, Technique, and Art of Its Presentation. Editado e traduzido por Patricia Carpenter and Severine Neff. New York: Columbia University Press, 1995.

STRAUS, J. Introduction to Post-Tonal Theory. Nova Jersey: Prentice-Hall, 1990.

VETROMILLA, Clayton. O problema das “fases estéticas” e a suíte para violão de Guerra-Peixe. Per Musi, Belo Horizonte, UFMG, n. 5/6, p. 131-140, 2002. Disponível em: . Acesso em: 13/02/2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais



 
OPUS - Revista Eletrônica da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Música (ANPPOM)
ISSN 0103-7412 (versão impressa, 1989-2008), ISSN 1517-7017 (versão online, 2009- )